Zumbidos

abraços, beijos, apertos, toques, quero distância não me aperte, não me toque, não me beije, não gosto de abraços fica mais pra lá agora aqui deste lado da tela te observo e aos outros também e o toque não há não há abraços nem apertos de mão ou de paixão não me toque parece umContinuar lendo “Zumbidos”

Clichês de Tempo e Espaço

Em algum lugar do passado. Num futuro distante. (ou próximo) Dentro dos próximos instantes (ou dias, ou meses, ou…) Em todos os cantos. Em cima do muro. Da cama, do teto, do telhado. Atrás da porta. No meio do caminho. No centro do universo. Nas proximidades. Por ali, lá adiante, aqui. A gente se encontrará.Continuar lendo “Clichês de Tempo e Espaço”