viver é um mar

vagas são as impressões
vagas são as movimentações
do mar...
vagos os instantes sem tua presença
vago é o presente com a tua ausência 
vago eu pela vida
e em busca de sentidos
muitas vezes sequer dou ouvidos
às intuições
elas que sabem bem mais do que eu
e se lançam pelos caminhos 
me guiando - por ali! -
vaga eu tão desprovida
de esperanças e essência
absorvida por vezes na demência
dos perdidos 
mas seu eu te escutasse, voz interior
se eu te desse a atenção tão merecida, 
mudariam meus caminhos nesta vida?
mudaria a dimensão da minha dor?
vago, eu vago entre as vagas
e as vagas se jogam por onde vago 
viver é um mar 
viver é um mar
é um mar
um mar
um mar 

Photo by Ramy Kabalan on Unsplash

Publicado por Poeternizar

Eternizando versos, versejando vida, poetando sonhos, poeternizando a emoção de cada dia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: