Pensando alto

Não conto os dias e nem conto as horas. Não vigio a respiração e nem os olhares perdidos. Reservo minha energia e minhas emoções para ser feliz sem me questionar, sem buscar razões, sem saber porquês. A felicidade não tem sobrenome.

Pontos de vista divergem, opiniões passeiam por diferentes razões. Mas isto não é motivo para brigas e sim para uma maior abertura de espírito, quando podemos, através da mente mais aberta, enxergar não só erros e acertos, mas também as tentativas.

O tempo não nos abraça… ele apenas passa para dar ao conforto a oportunidade de nos encontrar.

Photo by Ben White on Unsplash

Publicado por Poeternizar

Eternizando versos, versejando vida, poetando sonhos, poeternizando a emoção de cada dia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: