O sentimento que ficou

Tenho lembranças
que talvez você não tenha...
Como tive esperanças
sem que você as tivesse...
Ou teve? Ou tem?
São tênues as linhas
entre os sentimentos
quando sabemos que
sentimento existiu.
Eu olho para o lado... para não te ver.
Você olha pra o lado... para não me ver.
Ou será que olhamos apenas
na mesma direção?
A direção do infinito, poeira celeste,
faísca dos fogos de artifício
lançados de dentro de nós...
São frágeis as linhas
entre os sentimentos
quando no fundo se sabe
que a paixão não partiu.
Sua imagem, a mesma.
Por dentro... não sei.
Eu mudei? Você mudou?
O que mudou em nós?

Photo by Ian Schneider on Unsplash

Publicado por Poeternizar

Eternizando versos, versejando vida, poetando sonhos, poeternizando a emoção de cada dia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: