O sonho

Imagino que o sonho permaneça lá, no recanto do imaginário, entre as nuvens que nos acolhem o sono. O sonho não poderá vir espalhar-se junto à realidade, mostrar suas faces e fases, misturar-se ao tudo que em seu conteúdo nega. Lá, longe, longe do despertar, fica o sonho. E todas as suas impressões com ele permanecem, encantando o pedaço de nós que adormeceu…

Photo by Benjamin Davies on Unsplash

Publicado por Poeternizar

Eternizando versos, versejando vida, poetando sonhos, poeternizando a emoção de cada dia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: