Pequenos versos


Que saia a criança de dentro de ti
para brincar entre as ruas ou paredes
que só de alegrias tenha sede
e ao passado diga apenas: esqueci!

Que nunca nem pense para que aqui veio
e se jogue feliz em guerras de travesseiros
e em festas de frutas nos pomares alheios
correndo com os bichos pelas areias do terreiro!

E se teus olhos forem mais longe que a janela
alcançando as ruas ruidosas e poluídas
que possam ver bem mais do que mostro o quadrado...

Um pouco de água dos teus olhos sobre ela
lavando as dolorosas memórias tão empedernidas
para que vás ao mundo com o teu melhor lado!

Uns versos de 2014 mesclados a umas dores de 2021

Photo by Benjamin Combs on Unsplash

Publicado por Poeternizar

Eternizando versos, versejando vida, poetando sonhos, poeternizando a emoção de cada dia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: