Espelho

Olho no espelho
e vejo a falta de imagem
na imagem que esperaria ver.
Ali não estou mais eu
ou pelo menos não
aquela criatura que acordou
ontem e sorriu para o dia.
O que vejo é ausência.
Ausência dos traços
que sorriram.
Ausência dos traços
que viveram.
Me espelho e no espelho
não estou mais eu.

Publicado por Poeternizar

Eternizando versos, versejando vida, poetando sonhos, poeternizando a emoção de cada dia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: