RETRATOS DE JAMAIS

Fosse no espelho a forma
já não reconhecida
ou na fotografia antiga…
Fosse no passo a caminhar pesado
já levando nele o peso dos anos
ou na lembrança antiga…
Fosse nos sonhos que hoje se chamam “um dia”
já guardados no fundo da alma
ou numa gaveta antiga…
Tudo e todos e todos e tudo
que me foram e eu fui
que me mostram e eu sorri
que me acusam e eu fugi…
são todos
são todos eles
retratos de jamais
onde nunca mais
serei quem fui
ou saberei realmente
quem quis ser
“um dia”.

Publicado por Poeternizar

Eternizando versos, versejando vida, poetando sonhos, poeternizando a emoção de cada dia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: