Tenho dores

Tenho dores que já se acostumaram comigo. Fazem quase parte de mim, encostadas que estão em minha pele, meus ossos, minhas articulações.
Tenho dores com as quais já me acostumei. Fazem parte de minha vida, estacionadas que estão em meu coração e fixadas em minha mente.
Para algumas destas dores busco remédios que chegam em caixas ou em ervas. Para outras, trago do fundo de mim memórias ou as afundo no mais recuado canto de mim.
Dores são dores. Na cabeça, no peito… onde for. Dores são dores. Há apenas algumas que teimam em querer aparecer com outros nomes…

Publicado por Poeternizar

Eternizando versos, versejando vida, poetando sonhos, poeternizando a emoção de cada dia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: