Sobre o amor

Ou você ama, ou você não ama. Não se ama pouco, nem se ama demais. Amor é o que faz você se conectar com as pessoas. O que se chama amor demais já é paixão, aquela areia movediça que não dá pé e onde a gente costuma se perder. Amor é sentimento que não pede volta, retorno, reciprocidade, pede nada. Amor existe porque existe, não pediu pra nascer. Mas amizade é coisa de conquista e paixão é coisa de ser humano. Deixa-se de ser amigo porque os tempos mudam e a vida caminha e amizade nadava em águas rasas (amigo mesmo tem o nosso amor!); a gente se “desapaixona” de um dia para o outro e nem sabe como aconteceu (as vezes vira amor…)! Mas amor é divino, por isto, quem ama sabe que amou uma vez nunca deixará de amar e nem se dará conta se o amor bateu lá e voltou ou não. Amor não volta porque não precisa partir. Amor é eterno. E o enquanto dure pertence à paixão!

Publicado por Poeternizar

Eternizando versos, versejando vida, poetando sonhos, poeternizando a emoção de cada dia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: