Poeminha para a chuva

A chuva desce do céu
carregada da vida
que arrebanhou na terra.
Seus pingos nada mais são
do que tudo o que recolheu
pelas estradas e o chão.
A chuva chega do céu
da nuvem carregada ela dispersa
tudo o que recebeu das águas chãs
tomou dos rios, dos mares, das lagoas
e agora se solta, alegre, 
brincando…
de vez em quando se jogando forte
esbravejando junto aos trovões.
A chuva se despe no céu
e vem se agasalhar de volta
onde tudo começou.
… E eu sorrio, olho pela janela
pensando numa maneira de 
cantar um musical sob a chuva…

Imagem by best10photos

Publicado por Poeternizar

Eternizando versos, versejando vida, poetando sonhos, poeternizando a emoção de cada dia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: