Duas Faces

Acho que minhas faces
dividiram-se em duas.
Já não sou mais aquela pessoa
que pensei que fosse
e talvez nem seja ainda
aquela que pensei que seria.
Meu coração bate atento
aos pensamentos que,
completamente infiéis,
desandam pela cabeça
e se transformam
em palavras
e estas palavras
se jogam
de mim
para pedaços de papel.
Eu rasgo de mim a figura
que se espelha e se mostra
e também aquela que se esconde.
Rasgo o papel
Incendeio o papel.
Há dor em sentir o ser quebrado
partido ao meio assim
desequilibrado e inconstante.
Acho que minha face,
talvez também meu coração,
nunca tenha se dividido.
Ela apenas foi rasgada
em duas.

Imagem by Flowerman

Publicado por Poeternizar

Eternizando versos, versejando vida, poetando sonhos, poeternizando a emoção de cada dia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: