Através do não

Nem hoje serei
e nem nunca.
Não espere de mim
hoje ou nunca.
Não me perca o tempo
e nem me arrume desculpas.
O quero é o que não há ainda
não está decifrado e nem disponível
e não tem respostas fáceis
através de sonhos, adivinhações e equações.
Quero o direito de não ser.
E daí, me dirias?
E daí, eu diria?
O que eu quero é uma vontade não absoluta
e o que acontecerá será a verdade absoluta.
Coisas da realidade.
 
Imagem: Joy by  Joy -deviantART

Publicado por Poeternizar

Eternizando versos, versejando vida, poetando sonhos, poeternizando a emoção de cada dia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: