Versos sazonais II

Arco-íris de flores
… adornam o jardim.
O céu na terra.

Borralhento está o céu
amontoando nuvens
só para chover.

Uvas anoitecem na parreira.
Ao despertar amanhã,
serão vinho.

Pétalas sangrando
a rosa se abre tímida
dentro do vaso.

Vaso de flores
na janela esquecido.
Cedo inverno.

Passarada vai
Voando pelo horizonte.
Adeus inverno!

(2010, editado em livro)

Publicado por Poeternizar

Eternizando versos, versejando vida, poetando sonhos, poeternizando a emoção de cada dia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: